Deputado estadual Charles Santos recebe a Medalha da Ordem do Mérito Legislativo

“Mineiros em prol da vida.”

O Deputado estadual Charles Santos (Republicanos) foi agraciado com a Medalha do Mérito Legislativo do Estado de Minas Gerais 2021, pela Assembleia Legislativa, no dia 16/11. Trata-se de uma homenagem a pessoas físicas ou jurídicas nacionais ou estrangeiras que, pelos seus serviços ou méritos excepcionais, recebem o especial reconhecimento da Assembleia Legislativa.

Charles Santos agradeceu a comenda e ressaltou a importância de difundir os ideais do Republicanos. “Quero agradecer ao povo mineiro pela oportunidade de representá-lo no parlamento e em especial ao Presidente estadual do Republicanos, Deputado federal Gilberto Abramo, pela parceria nesse trabalho primordial do partido com foco no interesse do coletivo.”

Este ano, a cerimônia tem como tema: “Mineiras e mineiros na recuperação econômica e social do Estado no pós-pandemia, destacando a atuação das instituições unidas à sociedade, em prol da vida”.

A especificação orienta a escolha dos agraciados, que são indicados conforme três critérios: Grande Mérito, Mérito Especial e Mérito. Cada membro do Conselho da Medalha indicou dois agraciados e cada parlamentar pôde indicar uma pessoa para receber a honraria.

CHARLES SANTOS

Charles Santos foi eleito em 2018 como Deputado Estadual, pelo Republicanos, é formado em Tecnologia da Informação, bacharel em Teologia, pós-graduado em Ciências Políticas, comunicador e palestrante motivacional.

Suas ações no Poder Legislativo têm sido enfatizadas por uma constante preocupação com a qualidade de vida dos mineiros, entre elas, a família, saúde e a educação. Atento aos desafios da população e seus efeitos, Charles Santos deu origem à Frente Parlamentar de enfrentamento à automutilação, à depressão e ao suicídio e com este mesmo cuidado que merece o tema, tornou-se autor de diversas leis, dentre elas, a de nº 23.764/21 que implanta na rede estadual de ensino a Politica de Valorização da Vida, com foco na integração do sistema educacional, alunos, saúde mental e família, e a Lei 23.643/20 que obriga síndicos de condomínios residências informarem aos órgãos de Segurança Pública episódios ou indícios de violência doméstica em suas dependências comuns e privadas.

Também se posicionou de forma categórica no combate ao controle e prevenção do novo coronavírus, sendo de sua autoria a Lei de 23.666/20, onde os insumos e equipamentos adquiridos pelo Estado, no período do estado de calamidade pública de covid-19, deverão ser destinados para os municípios ou às entidades de saúde que tenham parceria com o SUS.

ASCOM REPUBLICANOS MG

Os comentários estão encerrados.